17.3.16

Simone de Beauvoir (1975)

Porque sou feminista.

In Open culture.

Sem comentários: